Ao vivo, Bonner dá a notícia que Bolsonaro não queria ouvir no Jornal Nacional

No ano de 2018 quando fazia sua campanha presidencial, Bolsonaro acabou sendo esfaqueado por um homem que depois foi reconhecido pela Polícia como Adélio. O atentando ao então atual presidente, aconteceu exatamente no final da tarde de 6 de setembro de 2018.

Bolsonaro e seus seguidores até hoje questionam quem mandou matar ele, e na noite da última quinta-feira, 15 de maio, durante o Jornal Nacional, William Bonner deu uma notícia que o presidente não queria ouvir.

A resposta de ‘quem mandou matar Bolsonaro’, foi dada por Bonner. A resposta é: ninguém. De acordo inquérito da Polícia Federal, que virou reportagem de um minuto no telejornal da Rede Globo, Adélio agiu sozinho, não tendo ajuda de grupos políticos, paramilitares, terroristas ou de facções criminosas.
Várias vezes em entrevistas e etc, Bolsonaro já disse que tinha certeza que alguém havia mandado matar ele. O advogado do Presidente, deu uma entrevista para o programa, Aqui na Band, Frederick Wassef disse que há uma nova testemunha do caso que diz que o crime ocorreu a mando do Partido dos Trabalhadores (PT).
https://twitter.com/aquinaband/status/1259879792846999552

Postar um comentário

0 Comentários