Coronavírus: Projeto promove campanha de doação de água para comunidades do Rio

Água deve ser usada na higiene pessoal de moradores para a prevenção ao coronavírus. Itens devem ser deixados em pontos das comunidades.


Para ajudar moradores de comunidades do Rio, o projeto Favelagrafia iniciou uma campanha de doação de água. O objetivo é reutilizar garrafas plásticas e enchê-las na torneira de casa.


A iniciativa busca ajudar as pessoas que estão sofrendo com a falta de água encanada. 
Em meio à pandemia do novo coronavírus, elas não têm o básico para lavar as mãos e se 
prevenir da doença.
Interessados em participar da campanha devem pegar, no mínimo, duas garrafas, 
retirar o rótulo e colar um papel com a frase “água para lavar as mãos”. 
O projeto também está arrecadando sabonetes para que as pessoas possam fazer 
a higiene pessoal.

“É uma medida simples, todo mundo pode fazer. Você não precisa gastar muito, 
ó precisa ter boa vontade e querer ajudar. Isso não envolve uma ajuda financeira 
alta”, apontou Camila Reis, produtora do Favelagrafia.

Após a montagem do kit com as garrafas e sabonetes, é necessário deixar os itens em pontos das comunidades (confira abaixo os locais). Para aqueles que não desejarem sair de casa, o projeto recomenda fazer a entrega por carro de aplicativo.

“Estamos divulgando pontos de coleta em cada comunidade para que os
moradores saibam onde buscar os itens”, disse Camila.
Até esta sexta-feira (27), o projeto já tinha pontos de recebimento nas comunidades 
Santa Marta, Babilônia, Providência, Mineira e Borel.

Confira os locais de coleta

Zona Sul
  • Santa Marta: Associação dos Moradores - R. Mte. Diniz
  • Babilônia: Igreja Batista – Ladeira Ari Barroso, 17
Centro
  • Providência: ONG Entre o Céu e a Favela - Ladeira do Faria, 88
  • Mineira: Associação dos Moradores - Rua Van Erven, 132 (fundos)
Zona Norte
  • Borel: Associação dos Moradores – Rua São Miguel, 500

Postar um comentário

0 Comentários