O abacate é um alimento excelente, muito completo e recomendamos seu consumo habitual. Além disso, a semente apresenta 70% dos aminoácidos que estão presentes na fruta. O abacate contém mais fibras solúveis que qualquer outro alimento.

A seguir enumeramos as propriedades medicinais de consumir a farinha da semente do abacate.


É antioxidante: previne o envelhecimento celular.
Previne as doenças cardiovasculares graças a seu conteúdo em aminoácidos: ideal para o tratamento de excesso de colesterol e triglicerídeos e como prevenção de doenças coronárias.
Ajuda a aumentar as defesas e combater as doenças causadas por micróbios, fungos e parasitas.
Emagrecedor e queima gordura: a lógica da natureza fez com que a semente do abacate contenha princípios que queimam gorduras contidas na polpa da fruta. Além disso, contém fibra solúvel, que melhora o trânsito intestinal e traz uma sensação de saciedade.
Adstringente: ideal para tratar diarreias e inflamações do trato gastrointestinal.
Propriedades afrodisíacas que aumentam a libido.
Revitalizante para casos de cansaço e esgotamento.
Calmante de dores articulares e musculares, usado topicamente.
Previne o crescimento de tumores, graças ao seu conteúdo em flavonoides.
Previne a epilepsia.
Elimina rapidamente a aparição de espinhas e furúnculos, aplicado topicamente, já que os ajuda a madurar e secar.
Regula os transtornos da tireoide.
Tem um efeito rejuvenescedor da pele, tanto consumida quanto aplicada, já que favorece a formação de colágeno.
É um bom suplemento para tratar naturalmente a asma.

COMO TOMAR O CHÁ DE CAROÇO DE ABACATE

Tome 1 xícara em jejum e outra antes de dormir.
Para tratar problemas reumáticos e artrose a indicação é de que se rale o caroço de abacate seco (7 dias de secagem, até soltar a casca) e se toste na frigideira antes de preparar o chá.
O QUE MAIS SE PODE FAZER COM O CAROÇO DE ABACATE?
Aqui vou te recordar duas receitinhas básicas para se fazer com o caroço de abacate: o extrato e a farinha.

1. Receita de preparo do extrato de caroço de abacate
Acrescente 4 colheres (sopa) do caroço de abacate ralado a meio litro de vinho branco (de boa qualidade). Deixe macerar em local escuro por 7 dias. Tome dois cálices (50 ml) diariamente, à tarde e à noite.
2. Receita de preparo de farinha de caroço de abacate
Rale os caroços de abacate (você pode ir juntando os caroços, na geladeira, até ter uma quantidade maior), deixe secar ao sol coberto com um filó, bata no liquidificador e passe numa peneira fina. Conserve em pote bem fechado, na geladeira, e tome 1 colher de sopa a cada refeição.
É importante você não exceder as doses recomendadas do caroço de abacate pois, seu excesso pode incomodar o estômago.
NÃO CONSUMA O CAROÇO CRU
Apesar de que algumas receitas indicam o consumo do caroço de abacate cru, essa prática não é recomendável pois, para além de coisas boas essa semente, como muitas outras, contêm toxinas para nós (aqui um estudosobre a composição química do abacate e seus resíduos).
É por isso que a semente deve ser cozida (para fazer o chá), seca, torrada para que se reduzam os compostos químicos que contêm.
A semente de abacate em excesso poderá resultar em náuseas, vômitos e incômodos gastrointestinais.
Ao ingerir qualquer produto com semente de abacate e sentir qualquer reação adversa descontinue o uso pois, este é um indicativo de que esta semente não é adequada para você.
É preciso lembrar que as sementes concentram também alcalóides em seu interior (fazem parte da sua composição química), muito mais do que a polpa ou casca dos frutos. Já falamos aqui das sementes que contêm cianeto (maçã, amêndoa, ameixa, pêssego) e que são desaconselhadas de serem consumidas cruas e em grande quantidade. O mesmo cuidado vale para o caroço de abacate, mais ainda quando não conhecemos seu conteúdo específico.

Postar um comentário:

0 comments: